sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Cobranças






A decepção ocorre quando esperamos algo que vai além do que a pessoa pode oferecer. Essa pessoa pode ser um amigo, um parente, um conhecido ou até mesmo eu mesmo.

Já se reparou quantas vezes você ficou decepcionado consigo mesmo?

Muitas vezes cobramos tanto de nós que acabamos querendo cobrar dos outros também. Achamos que nossos critérios de perfeição se aplicam a todos.

Também costumamos achar que nossos princípios morais são os únicos certos e que se eu acho que algo é errado, quem erra tem sempre que ser punido. Mas não seria melhor ajudar ao invés de cobrar? Não seria melhor instruir ao invés de punir?

Por que exigir tanto de nós ou dos outros quando sabemos que somos apenas crianças espirituais imperfeitas e que ainda estamos gatinhando?

Isso ocorre porque a sociedade impõe regras a humanidade que fazem com que nós percamos nossa capacidade de refletir sobre um determinado assunto. A moral falsa imposta pela sociedade só mascara nossas falhas. No fundo, somos todos como Jesus disse, bonitos por fora, podres por dentro.

Se ao invés de exigirmos tanto buscássemos melhorar por meio de uma reforma íntima, nossa moral e inteligência atingiriam um nível mais elevado e tais erros que comummente cometemos, não mais surgirão.

Se há decepção, algo está errado então. Observe seus conceitos, observe suas atitudes, reveja os seus limites e não os ultrapasse, pois se o fizer, estarás invadindo os limites do teu próximo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário