quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

O Céu que Você Criou para Si

  O dia pode nascer lindo, pode nascer chuvoso, pode estar cinzento, não é culpa sua, não é você quem muda a cor do céu, mas é você que muda a forma como a beleza do dia lhe surge aos olhos.

  O dia mais feio de todos pode ser para você um dia agradável se você assim o desejar. Aplicando-se no controle de sua conduta, buscando o equilíbrio na meditação, orando e vigiando a todo instante que algo lhe afligir o coração.

  Quantas vezes você não se deparou com uma pessoa de mal humor que, ao ver o teu sorriso, se derreteu toda e desabafou suas dificuldades, tornando o dia dela muito melhor.

  Sim, nossas atitudes e pensamentos é que fazem um dia ser belo ou não. Nós somos os responsáveis pela nossa própria felicidade, nós é quem determinamos se hoje seremos felizes ou se ficaremos nos arrastando pelas lamentações da vida, vagando maltrapilhos pelos cômodos da casa.

  Comece o dia dizendo a si mesmo: Hoje eu quero ser feliz!

  Tome um belo café da manhã, faça uma oração agradecendo o que de bom você tem e mesmo que estejas enfrentando dificuldades, estás vivo e és capaz de continuar sua vida superando qualquer obstáculo. O mundo não acabou na profecia Maia, mas ele acabou para quem se entregou ao desânimo, pois eram essas pessoas que acreditavam no fim do mundo. Você não, você está aqui, lendo essa mensagem porque quer acreditar que a vida é bela, cabe a você fazer com que ela seja bela.

  Suas atitudes podem mudar isso, reaja agora, eleve os pensamentos, veja o sol onde somente há nuvens, veja a flor onde somente há pedras, veja a natureza onde somente há prédios. Não é por acaso que você tem a capacidade de imaginar, de criar sonhos, de vivê-los.

  Seja feliz e faça da vida das pessoas ao seu redor uma vida feliz, seja o sol da manhã de todos e verás que muitas nuvens cinzas irão se tornar branquinhas e pequeninas, irão te rodear mas sempre deixarão espaço para você brilhar nessa imensidão que é o céu azul, obra de um Deus que te ama infinitamente!



Nenhum comentário:

Postar um comentário