quinta-feira, 20 de junho de 2013

Pelo ensino se faz o caráter e se desenvolve a inteligência, pela violência se apresenta o mau caráter e se prolifera a ignorância


  Não tenho interesse algum em incentivar manifestações, tão pouco o quebra-quebra que se tem visto na televisão. Minha própria cidade ainda não teve tumultuo, mas sei que já tem data marcada.

  É triste ver um povo que luta para corrigir um erro que o próprio povo cometeu. Estão culpado a presidente e os demais políticos pela falta de estrutura em nosso Brasil, mas acaso não fomos nós que votamos neles e acaso não fomos nós que aceitamos a forma como eles governam?

  Pensem bem, o brasileiro não tem ligado muito para a educação, logo o governo foi tirando do salário de professores, foi tirando materiais dos alunos, foi tirando qualidade do ensino, tudo isso porque nós fomos aceitando.

  Isso tudo ocorreu em várias áreas, tais como educação, saúde, transporte, moradia, etc... Demoramos muito para despertar e foi por isso que a situação chegou onde chegou. Porém, revoltar-se não vai resolver a situação, não se combate a violência contra os direitos do cidadão com mais violência, até porque a violência apenas gera violência.

  Sabe o que devemos fazer? ESTUDAR!

  Um povo sem cultura, sem ensino é um povo que vota errado, é um povo que se cala ao ver algo errado. Bom, ai você diz, como estudar com as escolas e o nível de ensino de hoje? E eu lhe respondo: quem quer mesmo, consegue. Primeiro que grande parte da população possui internet, um dos meios de comunicação mais ricos em cultura e que, infelizmente, tem sido usado apenas para acessos às redes sociais, pornografia e pirataria. Quanto tempo você tem passado no facebook? Agora compare com quanto tempo você tem estudado pela internet?

  Esse é um ponto que já poderia mudar muita coisa, atitude de se policiar no seu tempo livre, de fazer algo que lhe ajude a ser um cidadão melhor, um irmão melhor como Jesus nos pediu.

  Se você que há outras pessoas que não dispõe do recurso da internet para o estudo, então você, brasileiro, cidadão, filho de Deus pode muito bem ser muito útil formando grupos em sua própria casa, na sala e educando, isso mesmo, ensinando os menos afortunados. Isso é caridade, isso é ser realmente um brasileiro, é doar aquilo que você tem e que outros não tem condições de ter.

  Garanto para você que se cada um fizesse um mínimo de esforço para se educar, nosso país teria um perfil bem diferente diante do que vemos hoje. Garanto que político algum teria coragem de tentar nos fazer de bobos.

  Se o gigante acordou, que ele então seja humilde para pedir a Deus que mostre o caminho para resolvermos essa situação, sem violência, sem sangue, sem culpa, mas sim pela estrada da educação e da civilização de um povo que é alegre, amoroso e filho de Deus!

Nenhum comentário:

Postar um comentário