terça-feira, 13 de agosto de 2013

Orai e Vigiai a si próprio e deixai o teu próximo em paz


  Ao darmos importância aos acontecimentos na vida de outras pessoas, deixamos de aplicar-nos na nossa própria vida e perdemos valiosa oportunidade de progredirmos.

  O ser que busca tudo conhecer do seu irmão para depois invigilantemente fazer fofoca, além de perder tempo importante, acaba por prejudicar a si próprio e ao seu próximo com atitudes de inveja e maldade nas palavras lançadas aos ouvidos dos outros.

  Aplique-mo-nos na observação de cada passo que damos, cada um cuidando de sua própria vida, buscando corrigir a si próprio e não aos outros. Se fulano fez isso ou aquilo, não se preocupe, ficai preocupado se fosse você quem fez algo de errado.

  Temos muitas imperfeições a trabalhar, poucas oportunidades para aproveitar. Quem deixa as oportunidades passarem, não pode depois reclamar que não teve chance de melhorar e, por consequência, deverá arcar com a sua indisciplina em não cumprir aquilo que lhe foi proposto antes de nascer e que é a purificação do seu próprio espírito.

  Deus espera que cada um de nós evoluamos em cada encarnação, a exemplo do que Jesus nos ensinou, amando e perdoando, olhado para dentro de si próprio e descobrindo o que há de errado em nossas atitudes e pensamentos. Praticai então a reforma íntima e encontrai os pregos tortos na madeira, removendo-os e substituindo-os por pregos novos que irão fixar corretamente, deixando mais próximo da perfeição o que antes estava mal acabado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário