segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Na calma reside a melhor oportunidade de compreensão de uso do tempo.


  Devemos cultivar a calma e a paciência para encontrarmos o verdadeiro sentido da vida, o melhor caminho a seguir e observarmos a melhor oportunidade.

  A ansiedade é inimiga do progresso, não traz nada de benéfico e causa perturbação ao ser que se descontrola à medida que mantém a ideia materialista de que tempo é dinheiro.

  Devemos ter calma para entendermos o tempo. Ele é nosso aliado e não nosso inimigo. Não devemos correr contra o tempo, mas sim caminharmos a favor dele.

  Quantas vezes cometemos erros devido à nossa afobação, desespero, falta de paciência e tolerância? Como então aproveitar esse tempo melhor para fazermos o que realmente é necessário?

  Tendo calma!

  Busquemos nos equilibrar, para então refletirmos melhor sobre o que fazer. Nem sempre o que queremos é o que necessitamos realmente e somente aquele que tem a calma para analisar situações é que consegue extrair delas o melhor.

  O treino da calma e da paciência vem com a prática da meditação. O afobado não medita, pois acha que é tempo inútil gasto durante o dia, acha que poderia ganhar muito dinheiro em 1 hora se não meditasse. Mas a verdade é que ele "acha", mas não tem certeza disso porque não deu a devida chance ao cultivo da calma.

  Silencia a tua voz, cala a tua mente, ouve a tua respiração e recebe então a orientação divina que vem na voz interior e não nos gritos externos nas ruas. Tende calma e torna-te capaz de absorver melhor teus próprios pensamentos, eliminando o que de ruim lhe vem a mente e valorizando as boas ideias. Logo, o tempo que era inimigo, tornará aliado e você navegará junto a ele e não contra ele.

  Tende calma...

Nenhum comentário:

Postar um comentário