segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Mestre, qual é o maior mandamento da lei?


  Após calar a boca dos Saduceus, um fariseu foi tentar o mestre Jesus e lhe interrogou: Mestre, qual é o maior mandamento da lei?

  Jesus então respondeu: Amarás a Deus acima de tudo e de todos, de todo o teu coração e de todo o teu espírito, eis ai o maior mandamento!

  E ainda acrescentou o segundo maior mandamento: Amarás o teu próximo como amas a ti mesmo! Eis ai encerrada toda a lei e os profetas nestes dois mandamentos.

  O mestre nos ensina que a união destes dois mandamentos engloba toda a lei antiga que Moisés apresentou como sendo os 10 mandamentos, pois quem ama a Deus e ao próximo, jamais fará o mal, nem a Deus, nem ao próximo e nem a si próprio.

  A verdade é que tudo se encerra no amor, sentimento único capaz de salvar qualquer alma do caminho do sofrimento e da dor. É pelo amor que desenvolvemos a caridade, que aprendemos a compartilhar, que entendemos as imperfeições do próximo, que aprendemos a conviver em sociedade e que progredimos juntos.

  Se conseguirmos seguir os dois mandamentos deixados pelo mestre, longe estaremos de confusão, de medos e de perturbações. O equilíbrio e a harmonia se fará presente no lar, no trabalho e na escola, assim como em qualquer lugar.

  O ensinamento de Jesus foi tão profundo que o pobre Fariseu não teve condições de tentá-lo novamente e calou-se como quem nada mais tem de armas para usar contra o inimigo. Jesus, sempre sereno e humilde, soube aplicar seus ensinamentos no momento propício para a melhor absorção, dando-nos a oportunidade da reflexão.

  Devemos então meditar sobre as palavras do mestre e após o nosso entendimento, orar agradecendo pelos ensinamentos tão puros e sublimes, mas não paremos por ai, pois que o convite que Jesus faz é para irmos mais além, colocando em prática os ensinamentos todos os dias, somente assim entenderemos e sentiremos a lei e os profetas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário