segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Você sabe realmente o que é aceitar Jesus?


  Aceitar Jesus não é tarefa fácil. Sair por ai gritando o nome de nosso amado mestre não vai mudar nada, só caracterizará uma exibição do orgulho e um estímulo da vaidade daquele que se diz servidor do Cristo.

  Quem não conhece um amigo ou parente que depois de tanto tempo numa religião decide mudar para outra e diz: Eu agora aceito Jesus na minha vida!

  Aceitar Jesus não é mudar de igreja, nem de credo, mas sim mudar de vida, alterar as más atitudes antes cometidas pelas novas a seguirem os passos ensinados carinhosamente pelo nosso mestre.

  Somos todos os dias convidados por diversas religiões à estudarmos o evangelho, é verdade, mas chamo-te a atenção para fazer mais do que isso, pois Jesus nos convida sempre a VIVERMOS o evangelho.

  Palavras vãs soltas ao vento não podem tocar corações, mas atitudes generosas e de benevolência não só tocam o coração, mas contagiam a multidão ao nosso redor. Não era isso que Jesus fazia? Ensinava, sim, pela palavra que explicava como se portar em frente a um irmão necessitado, mas fazia mais do que isso, levantava-se e exemplificava pela ação de socorrer o pobre irmão que clama por amor.

  Eis a verdadeira aceitação, a mudança interior no trato com um familiar, no respeito com um irmão menos esclarecido, no perdão de uma ofensa direcionada imprudentemente a ti. Se o corpo carece do pão para se sustentar no trabalho diário, a alma carece do pão espiritual oferecido pelo evangelho para se direcionar à reforma íntima.

  Jesus não desampara ninguém nesta vida, isso é um fato, mas é certo de que o mestre acompanha mais de perto aqueles que inclinaram o seus corações na prática do bem e do servir com amor. Ora, por que uns têm a pretenção de que o Cristo estaria com eles só pela imposição da fé, quando o próprio Cristo nunca a impôs? Não seria pela aplicação de seus ensinamentos, pela melhoria de nossa conduta como irmãos que somos, na prática da caridade que iriamos encontrar face a face com Jesus?

  Sim, é pelos teus atos que tua alma clareia a luz, purifica os sentimentos e eleva-se na longa escada para o céu. Levanta e obra, ama e compartilha, perdoa e aconselha, fazendo sempre o bem!

  Na dúvida se este é realmente o caminho certo, para e medita, põe Jesus em teu lugar e questiona o que o grande mestre teria feito nessa situação, observa então suas atitudes de amor infinito e esforça-te para seguir estes passos, pois são passos firmes num caminho difícil mas sublime, com oportunidades que precisam ser bem aproveitadas e que nos edificam a paz no coração um dia dilacerado por nós mesmos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário