segunda-feira, 14 de abril de 2014

De onde vem a verdadeira mudança?


  Diante de todas as nossas dificuldades, chega sempre um momento em que não suportamos mais viver do modo que vivemos. Mudanças são necessárias, mas como fazê-las? De onde provém? Parece-nos um pouco difícil sair daquela rotina diária para adentrarmos em um novo modo de ver, agir e pensar, mas é necessário.

  Não nos basta muda a roupa, nem mudar o timbre da voz, tão pouco fazer um penteado novo. Existem portas a se abrir que nos levam para o nosso interior, nas profundezas dos sentimentos mais ligados ao nosso ser.

  Quando adentramos à essas portas, logo notamos uma bagunça, o lugar parece todo desarrumado, há poeira para todo lado, como pudemos deixar nosso interior assim por tanto tempo abandonado?

  O fato é que nos importamos muito com as coisas exteriores, mas pouco realizamos com as interiores. Para essa faxina geral, é preciso iniciar a reforma íntima. É preciso buscar ajuda, porque o trabalho é grande e pesado, mas ao final terá valido à pena.

  Quando compramos algo, pedimos opiniões, consultamos na internet, comparamos com o do vizinho, não é verdade? Pois bem, com quem podemos comparar a faxina do nosso interior? Com Jesus!

  O grande mestre de todos os tempos é exemplo eterno de conduta. Nos ensinou a agir, nos ensinou a falar, nos ensinou a pensar, nos ensinou a meditar, mas acima de tudo, nos ensinou a pedoar e a amar. Para essa faxina, temos que nos espelhar no Cristo e jogar fora tudo aquilo que Ele não levava consigo. É o despojar das ferramentas fúteis e inúteis, é o despir-se da maldade e da mágoa, é deixar espaço limpo e organizado para  a entrada do amor. Use o espanador do perdão e o esfregão do amor para tirar o pó e dar brilho ao seu interior, fazendo a luz resplandecer de dentro para fora.

  À medida em que praticamos essa mudança, tudo fica mais simples, mais fácil de encontrar, mais acessível não só a nós, mas também aos que conosco convivem. Lembra-te de que muitas vezes o teu próximo requer dozes diárias de amor, mas você não conseguia encontrar esse amor em meio a tanta bagunça, tanto ódio espalhado, tanta mágoa amontoada, oh! quanta tralha em nosso interior.

  Se você chegou nesse estágio em que precisa da mudança, então siga esse simples roteiro, busque mudar o que lhe faz mal e pratique o que lhe fará bem, siga os passos de Jesus e logo encontrará coisas maravilhosas que estavam guardadas a 7 chaves dentro do teu próprio coração. Pratique a reforma íntima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário